Intestino sensível, cuidado redobrado

04/09/2015 - 14:31

Alimento de qualidade e fornecimento de água filtrada são imprescindíveis para o bem-estar do felino
Stock photo © commelauche

Stock photo © commelauche

Vomitar é algo comum na rotina dos gatos e, por esse motivo, muitas pessoas não dão importância, mas deveriam. Pôr pra fora uma simples bola de pelo, por exemplo, pode, na verdade, ser sinal de alguma doença bem mais séria. Êmese, ou vômito, é um sintoma inespecífico observado em uma gama de patologias, desde verminoses até tumores. Por isso, é importante levar o animal a uma consulta e realizar exames para descobrir a causa dos vômitos.
Muitas vezes, clientes levam seus felinos ao consultório se queixando do aumento da frequência dos vômitos por bolas de pelos, e, inclusive, agora têm observado também a eliminação de comida não digerida. Entre as principais causas observadas em gatos estão verminoses, hipersensibilidade alimentar, obstrução intestinal por corpo estranho (objetos engolidos, linhas, tricobezoares, entre outros), intoxicação, enjoo de movimento (quando o animal é transportado), doença intestinal inflamatória e linfoma. Qualquer coisa que cause irritação ao trato gastrointestinal pode levar o animal a vomitar.

Saiba mais adquirindo a edição 93 da revista Pulo do Gato, através do link abaixo





 
http://www.revistapulodogato.com.br/nossas-revistas
  • GUIA DE CRIADORES DE GATOS

Encontre criadores de diversas raças.