7 passos para se tornar o tutor de gato perfeito

06/03/2019 - 11:51

Leia com atenção estas dicas para não pisar na bola com o seu felino!
krblokhin/iStock.com

krblokhin/iStock.com

Gateiro que é gateiro se esforça diariamente para garantir todos os cuidados que os felinos demandam em seu cotidiano. Mas será que ser um bom tutor, ou melhor, um tutor perfeito se resume a levar o pet para fazer um check-up no veterinário, limpar a caixa de areia duas vezes ao dia ou oferecer uma alimentação equilibrada? Para Juliana Cannavan Gil, sócia-
proprietária do Psicovet – Centro de Comportamento e Bem-Estar Canino e Felino, de São Paulo-SP, há muitas nuances na criação consciente dos bichanos que podem ser negligenciadas pelos tutores. “Os tutores precisam, antes de mais nada, conhecer e entender as necessidades da espécie. Não só as relacionadas à saúde, mas, também, as emocionais. Além disso, é preciso compreender como o gato interage com o ambiente e com as pessoas”, salienta a veterinária. “Um bom tutor sempre vai deixar o gato ser e agir como um gato, com suas particularidades comportamentais. Pode parecer redundante, mas é verdade e algumas pessoas não entendem”, diz Fernanda Kindler Marques, médica veterinária especializada em felinos, na Feline – Medicina Interna Comportamental Felina, de Ribeirão Preto-SP. 

 

Para saber se você, gateiro zeloso, é um tutor “top de linha”, que vai além do trivial no trato com o gato, nós, da Pulo do Gato, conversamos com um time de especialistas em comportamento e manejo felino que listaram sete excelentes dicas para ganhar, de uma vez por todas, o título de tutor do ano. 

Confira esta matéria na íntegra adquirindo a edição 130. Clique aqui!


http://www.revistapulodogato.com.br/loja
  • GUIA DE CRIADORES DE GATOS

Encontre criadores de diversas raças.