Vai viajar? Temos 9 orientações para que seu gato fique bem cuidado

05/11/2018 - 18:23

Compartilhamos macetes que te ajudarão no momento de definir o hotel onde seu felino ficará ou qual a melhor cat sitter para cuidar dele na sua ausência
Foto: Lightspruch/iStock

Foto: Lightspruch/iStock

Antes de viajar todo gateiro provavelmente já se questionou se devia ou não levar seu felino nessa aventura. Isso porque esses animais, que são pra lá de temperamentais, adoram rotina e se consideram reis em suas casas. Quando mudam de ambiente, portanto, podem ficar estressados e não se adaptarem.
 

 Pensando em conter essas adversidades e não deixar seus companheiros felinos descontentes com o passeio, a bancária Marina Marques Pinheiros da Cruz, de São Paulo-SP, buscou por alguém que pudesse ser tutor temporário para seus bichanos. Ela então optou por uma profissional específica para a função, uma pet sitter. “O que moveu a minha escolha foi a segurança de manter meus filhos felinos em casa. Nela sei que não há risco de fuga, brigas com outros, contaminação por doenças vindas do contato com pets desconhecidos”, explica Marina, dona de dois gatos SRD, o Fubeca, 2 anos, e Faísca, 6 meses. A babá dos gatos era responsável por cuidar dos animais e, o melhor de tudo, interagir com eles para minimizar a falta que estavam sentindo da dona.


Leia esta matéria na íntegra adquirindo a edição 128. Clique aqui!

http://www.revistapulodogato.com.br/loja
  • GUIA DE CRIADORES DE GATOS

Encontre criadores de diversas raças.