Mudança de casa: transtorno para o gato

Categoria: Comportamento

Autor(a): Luelyn Jockymann | Colaborador(es): Jornalismo Top.Co | Cidade: Campinas/SP | 16/04/2018 - 14:17

Saiba como fazer a mudança de casa de forma correta sem estressar seu gato
Stock photo © Svetlana Aganina

Stock photo © Svetlana Aganina

O tema mudança de casa sempre é um transtorno para os gatos. Quem tem gato sabe como eles odeiam qualquer alteração em sua rotina. Em caso de mudança de casa, seu bichano não terá muita opção a não ser se adaptar! Para que não seja tão estressante para ele, preparei algumas dicas:

1. Alguns dias antes da mudança deixe a caixa de transporte na sala de sua casa com petiscos para gato, cobertorzinhos e brinquedos que ele goste dentro dela, para que não seja um ambiente tão estranho quando ele tiver de ficar confinado por algumas horas até a nova casa.

2. No dia da mudança, prenda seu gato em um cômodo da casa, com água, comida, sua areia etc., para que ele não fique no meio das caixas e do movimento. Cuidado redobrado para que ele não fuja!

3. Durante o transporte até a nova casa o gato deve ir na caixa de transporte, no carro, com você. Não o deixe ao sol ou próximo de uma janela totalmente aberta. Se a viagem for longa, não se esqueça de deixá-lo fazer suas necessidades no caminho.

4.   Ao chegar à casa nova, coloque-o em um cômodo, com água, comida etc., para que se acostume aos poucos ao novo ambiente. Ele deve ficar trancado neste cômodo por umas duas semanas. Durante este período, deixe-o explorar o novo ambiente por algumas horas sempre sob sua supervisão. Certifique-se de que não há nenhuma janela ou fresta para que ele saia por ela.

5. Esfregue uma toalha em sua carinha e em seguida passe nos móveis para que ele sinta seu cheiro no ambiente.

6. Se seu gato gosta de passear no quintal, deixe-o explorar este ambiente após duas ou três semanas. Sempre com a sua presença. De preferência, deixe-o sem comer por 12 horas antes do passeio, para que esteja com fome quando chamá-lo de volta para sua refeição.

7. Não se esqueça de colocar uma coleirinha com seu nome e telefone, caso ele fuja ou se perca no novo bairro. 

8. Por fim, tenha bom senso e veja como está se comportando no novo ambiente. Além de paciência, pois logo as coisas voltarão ao normal. 

Warning: file_get_contents(): php_network_getaddresses: getaddrinfo failed: Name or service not known in /home/topco/public_html/revistapulodogato/admin/inc/pulo.funcoes.php on line 8

Warning: file_get_contents(http://urls.api.twitter.com/1/urls/count.json?url=http://www.revistapulodogato.com.br/materias/ler-materia/223/mudanca-de-casa-transtorno-para-o-gato): failed to open stream: php_network_getaddresses: getaddrinfo failed: Name or service not known in /home/topco/public_html/revistapulodogato/admin/inc/pulo.funcoes.php on line 8

Notícias relacionadas

  • GUIA DE CRIADORES DE GATOS

Encontre criadores de diversas raças.